Ex-vereador do PT Manoel Eduardo Marinho se entrega à polícia | SBT Brasil (16/05/18)

BLOG NOTÍCIA

Na chegada à delegacia, o ex-vereador e o filho preferiram o silêncio. Os dois tiveram a prisão decretada pela Justiça por conta de uma agressão no dia 5 de abril. Nesse dia, o juiz Sérgio Moro mandou prender o ex-presidente Lula.

O empresário Carlos Alberto Bettoni, de 56 anos, foi até a porta do Instituto Lula, comemorar a prisão. Indignados, o ex-vereador Manoel Eduardo Marinho e o filho Leandro agrediram o manifestante. Empurrado, ele bateu a cabeça no para-choque de um caminhão que passava pelo local. Carlos Alberto sofreu traumatismo craniano, passou por cirurgia e ficou 22 dias internado.

Deixe uma resposta