A escala de 1 a 5 mede quanto cada curso agregou ao desenvolvimento do aluno durante a graduação. As universidades públicas federais, seguidas pelas estaduais, foram as que mais atingiram o conceito máximo. Quase 22% alcançaram quatro pontos. A maioria teve nota “três”. Quase 30% nota “dois” e 5%, nota “um”. Os cursos presenciais tiveram melhores notas que os cursos à distância.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.